Header Ads

Introdução a Comunicação

Introdução a Comunicação

Semiotica – continuação mais evoluída da filosofia que estuda alem do significado os seus signos respectivamente onde os signos são as imagens referentes ao significado da palavra em si.
Símbolo – palavra escrita que representa algo “ rastafare”
Signo – imagem que representa o símbolo “ rastafare” foto de bob Marley

A semiótica tem uma relação direta com o meio ambiente onde se representa.
Ex. corno no Brasil significa uma coisa. nos estados unidos a idéia do corno não existe, sendo assim concluímos a a semiótica e relativa a sua região.

Comunicação – conhecimento da importância da relevância de uma mensagem ou conteúdo de um design podendo ser: verbal, não verbal ou escrita e a não verbal ou seja através de imagens, na web utilizamos todos estes conceitos na criação de uma página.

Oralidade
Esta é definida em oralidade primária e secundaria onde a oralidade primaria seria a fase onde existia apenas a palavra falada e a inteligência era limitada pela memória, o templo era cíclico pois seu conhecimento era equiparado a memória não havia outros meios de recorrer a dados passados que não pela expressão verbal. Oralidade secundaria definida pelo surgimento da escrita, o tempo passa a ser representado pela linha do tempo pela capacidade de armazenar definir datas a fatos, símbolos e signos conhecidos e expressados no tema anterior relacionado a semiótica já se aplicam nesta fase uma vez que silabas, palavras e imagens tem significado e uma representação única.
Mensagem
Podem ser afirmações positivas ou negativas que necessitam de argumentos para ter poder de convencimento e estas independentes de seu conteúdo possuem valores intrínsecos aqueles que irão interpretá-las.

Conteúdo
Legibilidade – capacidade de ser reconhecida como significante.
Ex. mil fez pele gol
Clareza – capacidade de expressar significado
Ex. pele fez mil gols
Consistência – capacidade de argumentação a sua mensagem
Ex. pele fez mil gols devido a seu talento incomparável, destacando-se dos demais jogadores.

Forma
Harmonia – relativo a simetria de seus elementos e como seu conteúdo é apresentado.
Diagramação – refere-se a distribuição dos elementos no espaço e tempo e a forma como esta harmonia é conduzida.
Acabamento – cuidado com detalhes finais da diagramação como por exemplo a escolha das fontes, imagens bem diagramadas e sua simetria.

Textos
Os textos se dividem em duas etapas uma com relação a seu tipo e a outra com relação a seu gênero.

Quanto a seu tipo podem ser:
Informativo – reconhecido por. Quem fez o que, onde, quando e como
Opinativo – julgamento de valor, adjetivação, conjecturas, argumentos
Literário – liberdade, poeticidade, criatividade, subjetividade

Quanto a seu gênero podem ser:
Técnico – comunicação textual entre especialistas de uma área ou correlatos
Jornalístico – sintetiza diversas linguagens sociais, focando objetividade de uma narrativa imparcial onde se apresentam dois lados de uma mesma questão
Ficção – modelo criado com bases em um modelo realista ou próximo que disserta de maneira quase que livre uma certa realidade humana. Ex. Julio Verne escreveu sobre um submarino em seu livro 20000 mil léguas submarinas o que mais tarde se tornou realidade com o surgimento dos navios.
Publicitário – sintetiza linguagens sociais, focando objetividade em adjetivação de um produto, com finalidade em vendas
Poesia – palavra ou gênero lírico da linguagem utilizada com fins estéticos

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.